Projeto Nuances

E quando só de ver imagens do projeto você já quer sair dançando? Vontade de sair se movendo a qualquer som, que pode ser até do vento!
Esse é o Projeto NUNCES, gravem este nome! <3
O Projeto Nuances começou despretensioso. As bailarinas e sócias Fernanda Fontes e Sofie Andersen, amigas e parceiras de palco há dez anos, resolveram registrar uma coreografia em vídeo.
Com o apoio e estimulo da professora e coreógrafa Suzana Andersen, buscaram a parceria de Rodrigo Ohara e Willy Hajli, também amigos de infância da dupla, para a filmagem.
A coreografia escolhida foi “Construção”, criada inicialmente para um casal, com uma movimentação forte e marcada, reflete os traços presentes em uma obra. A história se entrelaça em um contraste entre o belo e o rústico.
Transformar esse número em um duo feminino foi um desafio. A rigidez e acrobacias exigiram força e preparo físico.
O envolvimento da equipe com o vídeo foi de forma tão intensa, que o resultado superou todas as expectativas, nascendo assim a vontade de criar um projeto maior.
O ballet sempre foi visto como uma forma de arte inalcançável, por sua perfeição e técnica impecável. O propósito do projeto é quebrar esse esteriótipo.
A ideia é criar uma série de videos e fotos de dança contemporânea, sempre com uma produção diferente. Tirando as coreografias dos palcos e aproximando o público.
Palavras das meninas:
“Temos o interesse de expandir a cultura da dança no Brasil, um país que pouco valoriza e incentiva essa arte. Queremos também atingir quem não tem o costume de assistir a um espetáculo, mostrando que o ballet pode ser acessível (visto pela internet) e bastante dinâmico. Por isso sempre procuramos que nossas coreografias sejam fortes, diferentes, conceituais e com um cenário envolvente. 
No canal do YouTube, além dos clipes também postaremos curiosidades das gravações, ensaios, técnica, ensinaremos passos e acrobacias usadas nas coreografias, preparo físico entre muitas outras coisas. 
Eu tenho 24 anos e dancei a vida toda desde os 3 anos no clube Paulistano, foi onde conheci e comecei a dançar com a Sofie. Cheguei a fazer aula um tempinho no Ballet Stagium e Studio 3, me formei em ballet clássico e fiz muitos anos de jazz também. 
A Sofie é filha da nossa coreógrafa, Suzana, então a imersão dela na dança foi desde muito cedo, formada bailarina pela mãe, ela também dançou a vida toda no Paulistano.
Eu e a Sofie também possuímos DRT e damos aula de dança e fortalecimento no Studio Suzana Andersen.”
Esse projeto promete!
Beijos!
Laura

Deixe uma resposta